5.31.2013

Ameijoas à Bulhão Pato

Este petisco é um prato típico da culinária portuguesa, é um prato muito comum em marisqueiras e cervejarias e foi um dos candidatos finalistas às 7 Maravilhas da Gastronomia portuguesa. O meu filho, que é um petisqueiro, adora! E como eu gosto de os ver  felizes, quando encontrei umas ameijoas negras lindas na praça, não resisti!



Ingredientes
1 kg de ameijoa negra
4 dentes de alho cortados em fatias
1 dl de azeite
sal
pimenta
Sumo de 1/2 limão, mais 1 limão em gomos para servir
1 ramo de coentros

Confeção
Deixe as ameijoas em água com sal umas 3h, para libertarem possíveis areias. Passado este tempo, escorra e leve bem as conchas. 
Numa frigideira grande, deite o azeite e os alhos e deixe aquecer. Junte as ameijoas, tape e deixe que abram. No final, esprema 1/2 limão, salpique os coentros e sirva com o limão em gomos. 

Bom apetite!

5.30.2013

Bifinhos com molho cremoso de mostarda

Eu gostava de saber o que acontece aos meus dias! Os dias estão mais longos, é verdade... mas nem por  isso há mais tempo. Pelo contrário, parece-me que ando sempre a correr e todos os dias deixo coisas por fazer. Querem-se, por isso, refeições rápidas, como estes bifinhos de perú com molho de mostarda.



Ingredientes
(para 3 pessoas)
3 bifes grandes de peru cortados ao meio ou 6 pequenos
1 fio de azeite
1 chalota
sal
pimenta
1 colher de sopa de mostrada à antiga
1 raminho de alecrim
2 colheres de  sopa de queijo creme light
1 chávena de leite magro

Confeção
Tempere os bifes com sal e pimenta. Numa frigideira com um fio de azeite, doure  os bifinhos de ambos os lados. Retire e reserve. Pique finamente a chalota e coloque na frigideira até amolecer. Junte a mostarda, o queijo creme e o leite e deixe levantar  fervura, raspando o fundo da  frigideira para soltar os sabores da carne. Volte a colocar os bifes na frigideira e salpique com o alecrim picado.

Sirva com arroz branco e salada.
Bom apetite!

5.29.2013

Bolinhos de bacalhau e camarão com aioli

Cá em casa  sempre evitámos desperdiçar comida, mas, nos tempos que correm, ainda faz mais sentido esta postura... Num fim de semana houve um petisco de marisco cá em casa e sobraram uns camarões cozidos que foram descascados e congelados à espera de destino. Encontraram-no nestes bolinhos a que juntei um lombo de bacalhau para fazer um género de pasteis de bacalhau reinventados. 

Claro que estes bolinhos podem ser feitos também com sobras de bacalhau e batatas cozidas!

Com esta receita de  participo no desafio do maravilhoso Blog Hoje para jantar... com o tema "Receitas reinventadas" de bacalhau.





Ingredientes
(para cerca de 12 bolinhos)
1 lombo de bacalhau cozido e desfiado
1 chávena de camarões cozidos descascados e cortados em pedaços pequenos
4 batatas 
1 chalota pequena picada finamente
1/4 de chávena de salsa fresca picada
1/2 colher de chá de pimenta preta 
2 ovos, levemente batidos
2 colheres de sopa de farinha
Para fritar:
Azeite q.b.
1 chávena de pão ralado
1 ovo batido 

Para o aioli:
1 iogurte natural
2 colheres de sopa de maionese
1/2 chávena de salsa
1 dente de alho esmagado
sumo de 1 limão
raspa de 1 limão
sal
pimenta

Confeção
Coza as batatas e faça-as em puré. Reserve. Coza o bacalhau, desfie-o e misture às batatas, juntamente com os restantes ingredientes formando uma mistura em que se consiga formar os bolinhos. 
Forme umas bolinhas e achate-as e leve ao frigorífico por cerca de 30 minutos. A mistura é mole, mas é mesmo assim! Ao fim deste tempo, aqueça uma frigideira com um fio de azeite, passe as bolinhas por ovo e pão ralado e doure os bolinhos dos dois lados. 

O aioli:
Colocar o iogurte, a salsa, o dente de alho, o sumo de limão e a maionese num robot de cozinha ou liquidificador e triturar tudo. Temperar com sal, pimenta e a raspa de limão e misturar.

Bom apetite!


5.28.2013

Potes de chocolate

Tinha esta receita da  Nigella para experimentar, mas ainda  não se tinha proporcionado. Com um jantar mais especial cá por casa e os ingredientes na dispensa, foi finalmente provada - e aprovada por todos - esta delícia de chocolate!

Estes potes de chocolate têm a textura de  um brownie mais molhado, com uma capa crocante e um sabor intenso a chocolate.


Ingredientes
(para 4 ramequins)
120g de manteiga sem sal
120g de choclate negro
2 ovos
150g de açúcar
3 colheres de sopa de farinha
Natas batidas com açúcar para servir

Confeção
Bata os ovos com o açúcar, até obter um creme. Entretanto, derreta o chocolate com a manteiga e misture. Junte esta mistura aos ovos, batendo sempre. Adicione a farinha e envolva bem. 
Deite em ramequins e leve ao forno pré-aquecido a 180º por cerca de 12 minutos. Sirva morno com uma colher de natas.

Bom apetite!

5.27.2013

Pasta cremosa com legumes

Cá em casa, se há ingrediente capaz de reunir consenso é um prato de massa! Por isso, em dias sem carne, facilita-me a mim o trabalho, porque sei que não vou ter muitas reclamações e todos ficam saciados!


Ingredientes
(para 3 pessoas)
300g de massa esparguete
1 fio de azeite
2 dentes de alho
1 molho de espargos
6 cogumelos portobello
12 tomates cereja amarelos (ou outro)
1 cálice de vinho do porto
sal
pimenta 
2 colheres de queijo creme light
1 chávena de água de cozer a massa
Queijo parmesão ralado para servir

Confeção
Cozer a massa com sal, al dente, de acordo com as instruções da embalagem.
Numa frigideira grande, deitar o azeite, os alhos picados e os cogumelos e espargos arranjados e cortados em pedaços de tamanho semelhante. Deixar cozinhar em lume brando, temperado com sal e pimenta. Deitar o cálice de vinho do porto e deixar evaporar. Acrescentar os tomates cortados ao meio e deixar  cozinhar mais um pouco. Acrescente o queijo creme e a água de cozer a massa, para formar o molho, retifique os temperos de sal e pimenta e  deite sobre a massa escorrida. 


Sirva com queijo parmesão ralado.








Bom apetite!


5.26.2013

Muffins de azeite e chocolate

Os bolos continuam a ter presença cá em casa, apesar das dietas... o facto de ter um filho adolescente e muito comilão justifica, em parte, esta presença. O  resto,   fica  por conta de não haver nada que me descontraia mais do que fazer bolos! :) 
Estes  muffins são ultra rápidos de fazer, simples e perfeitos para lanches e pequenos almoços. É  uma adaptação mais saudável duma receita que já vos mostrei aqui e que resultou muito bem!



Ingredientes
1 chávena de farinha
1/2 chávena de farelo de trigo + 1/2 chávena de farelo de aveia triturados em pó
1 chávena de leite
1 chávena de açúcar amarelo

1/3 chávena de azeite
3 colheres  de sopa de cacau em pó
1 ovo grande
1 colher de café de fermento
1 colher de chá de bicarbonato de sódio


Confeção
Misture o ovo com o azeite e o leite. Triture os farelos no robot de cozinha para obter  uma farinha. Junte todos os ingredientes secos numa taça e misture-os. Junte os secos à  mistura de  ovo e bata só com a  colher de pau, para misturar (não é preciso bater a massa, não se pretende que a massa ganhe ar).

Deite em formas de queque com forminhas de papel, encha apenas a 2 terços e leve ao  forno pré-aquecido por cerca de 15 a 20 minutos.


Bom apetite!

5.25.2013

Pizas de tortillas

Uma refeição ultra rápida e tão saborosa! São pizas, mas a base são tortillas. Já tinha visto esta sugestão em vários blogues e, num dia em que a família pediu piza e não havia massa feita  congelada, nem tempo para a  fazer, resolvi testar!  Usei tortillas caseiras que tinha congeladas e foram servidas com uma salada, sem reclamação dos comilões!

Perfeitas para refeições rápidas e descontraídas do fim de semana!


Ingredientes
(Para 2 pizas)
2 tortilla (receita aqui)
4 fatias de presunto
1 queijo mozarela fresco
queijo feta 
8  tomates cereja amarelos
5 fatias de bacon
6 folhas de manjericão picadas

Confeção
Faça as tortillas de acordo com a receita. Coloque duas tortillas num tabuleiro com papel vegetal e leve-as um pouco ao forno para tostarem. Retire e recheie a gosto. Neste caso fiz:
-  uma com tomate cortado em fatias, queijo mozarela em fatias e queijo feta esfarelado e levei  novamente ao forno para derreter os queijos. Antes de servir, colocar o presunto e as folhas de manjericão.
- outra, com tomate em fatias, queijo mozarela em fatias e bacon cortado em pedaços e levei ao forno para derreter o queijo. Antes de servir, salpicar  com folhas de manjericão.

Bom apetite! 

5.24.2013

Medalhões de carne picada

Na 2ª edição do projecto "A escolha do ingrediente" um projecto da autoria da Susy do blog Tertúlia da Susy, o blog anfitrião é A Madeirence  Carla Sofia que escolheu como ingrediente a carne de porco.

Fica então a minha participação este mês com uns medalhões bem saborosos e fáceis de preparar!




Ingredientes
1/2 kg de carne de porco picada (usei lombo de porco)
2 fatias de pão
1 ovo
1 chalota picada
1/4 chávena de chá de leite
Sal e pimenta
3 colheres de sopa de cebolinho e manjericão picados
8 fatias de bacon
Azeite para untar
8 quadrados de queijo feta

Confeção
Pré-aqueça o forno a 180º.
Misture a carne picada com o pão em migalhas, o ovo, a chalota, o leite, sal e pimenta e as ervas aromáticas. Divida em 8 porções e modele hambúrgueres pequenos e grossos. Parta o queijo feta em 8 quadrados e coloque um no centro de cada hambúrguer. Enrole uma fatia de bacon em cada medalhão e amarre com um fio de cozinha ou feche com um palito.

Coloque os medalhões numa travessa forrada com papel vegetal untado com azeite e leve ao forno médio, por 30 minutos, virando a meio do tempo.

Sirva com arroz e uma salada.

Bom apetite!

5.23.2013

Chutney de Maçã e figos secos

Com o "stock" de chutneys a acabar, aproveitei um Sábado com vontade de  estar ao fogão para  fazer este  chutney, inspirado na receita deste aqui. Ficou excelente! Perfeito para  acompanhar  carnes grelhadas ou assadas ou para servir com queijo. 

Podem consumir logo, mas estará ainda melhor passadas, pelo menos, 2 semanas. Depois do frasco aberto, guardar no frigorífico.



Ingredientes
(para 3 frascos de 150ml)
500g de maçãs descascadas e partidas em pedaços
6 figos secos cortados em pedacinhos
1 cebola picada
1 dentes de alho picado
Raspa e sumo de 1 limão
1 colher de sobremesa de mostarda em grão
3 malaguetas secas picadas

1 colher de chá de gengibre em pó
1 colher de chá de caril
1 colher de sobremesa de sal
150g de açúcar
150ml de vinagre de cidra

Confeção

Junte todos os ingredientes, exceto o acúcar, num tacho com metade do vinagre. Mexa para combinar bem e leve ao lume até começar a ferver. Nesta altura, junte o restante vinagre e o açúcar, baixe o lume e deixe cozinhar até engrossar e a fruta estiver a desfazer-se.
Coloque em frascos esterilizados, ainda quente e coloque-os de cabeça para baixo para criarem um vácuo natural.


Bom apetite!

5.22.2013

Arroz de cogumelos e açafrão

A Aurea tem um blog delicioso, recheado de receitas sedutoras, como o próprio nome indica - o Receitas de Sedução e lançou-nos um desafio: publicar uma receita com arroz Orivarzea. 
Cá em casa, ultimamente, os acompanhamentos são mais saladas e legumes, já que andamos em dieta. Mas como é o arroz que uso, abri uma exceção e deliciámo-nos com este arroz de cogumelos!


Ingredientes
1 fio de azeite
2 chávena de arroz carolino Orivárzea - Bom Sucesso
4 chávenas de caldo de legumes
1 cebola roxa
3 fatias de bacon em tirinhas
5 cogumelos portobelo
1 colher de sobremesa de açafrão
sal
pimenta
1 cálice de vinho do Porto
1 colher de sopa de manteiga

Confeção
Num tacho com um fio de azeite, alourar a cebola roxa picada e o bacon. Juntar os cogumelos fatiados, o vinho do porto, sal e pimenta e deixar cozinhar  até evaporar o vinho. Acrescentar o açafrão e o arroz e fritar  um pouco os grãos. Juntar o caldo de legumes quente e deixar cozinhar o arroz. Retificar os temperos e acrescentar a manteiga já com o lume apagado.

Bom apetite!

5.21.2013

Salmão com mel e molho de soja

Mais um lombo de Salmão no forno, que é como é mais apreciado cá em casa. Fica "no ponto" em 20 minutos e nunca fica  seco, desfaz-se em lascas, para além de ser muito saudável! Desta vez, juntei-lhe um "glaze" de mel e soja e sementes de sésamo, para um sabor mais exótico. Ficou muito bom!


Ingredientes
1 lombo de salmão, com pele
Sal
Pimenta
Sumo de 1 limão
1 fio de azeite
1 colher de sopa de mel
1 colher de sopa de molho de soja
1 colher  de sopa de sementes de sésamo

Confeção
Pré-aqueça o forno a 180º.
Tempere o lombo com o sumo de limão, sal e pimenta. Deite um fio de azeite num tabuleiro e coloque o salmão, com a pele para baixo. Numa tacinha, misture bem o mel e o molho de soja e deite por cima do salmão. Salpique com as sementes e leve ao forno por 20m. A meio da cozedura, regue novamente o salmão com o molho que se formou na travessa. Deixe  descansar mais 5m com o forno apagado, antes de servir.

Sirva com salada e arroz.

Bom apetite!

5.20.2013

Omelete enrolada de espargos e cogumelos

Há dias assim... em que nos esquecemos de tirar alguma coisa para jantar, chegamos tarde e sem vontade de perder muito tempo na cozinha. Nestes dias, abro o frigorífico e espero que o conteúdo me "diga" o que  fazer! E, num destes dias, foi isto: uma omelete enrolada com espargos e cogumelos, para uma 2.ª feira sem carne.


Ingredientes
(para 2 pessoas)
4 ovos
1 colher de sopa de queijo creme light
2 cogumelos portobelo
5 espargos
1 chalota
2 colheres de sopa de vinho do Porto
sal
pimenta
1 colher de  sopa de queijo parmesão ralado

Confeção
Numa frigideira com um fio de  azeite, doure a chalota picada. Acrescente os cogumelos e os espargos cortados em pedaços pequenos e deixe cozinhar um pouco. Acrescente o vinho do Porto, sal e pimenta e deixe cozinhar até secar o vinho. 
Bata os ovos com o queijo creme e tempere de sal e pimenta. Junte os legumes e misture. Deite mais um pouco de azeite na frigideira e junte os ovos com legumes. deixe cozinhar em lume brando até estar  firme, mas sem tostar. Enrole as pontas da omelete, salpique com metade do queijo parmesão e vire a omelete para dourar. Salpique com o restante queijo e volte a virar para  dourar do outro lado. 

Sirva com uma salada.









Bom apetite!

5.19.2013

Perfection Pound Cake com mel e baunilha

Gosto de desafios... como tal, é imperdoável que ainda não tenha participado do desafio do grupo Dorie às Sextas, que propõe duas vezes por mês, receitas do livro Baking, de Dorie Greenspan. 

Com este Perfection pound cake estreei-me nos desafios do grupo, com a certeza  de que se seguirão outras receitas da Dorie por aqui!






Ingredientes 2 chávenas de farinha de trigo 1 colher de chá de fermento em pó 1/4 colher de chá de sal
226g de manteiga sem sal, temperatura ambiente 1 chávena de açúcar
2 colheres de mel 4 ovos grandes, temperatura ambiente as sementes de 1 vagem de baunilha

Confeção Pré-aqueça o forno a 175º. Barre uma forma de bolo inglês com manteiga.
Misture a farinha, o fermento e o sal e reserve.

Numa taça, bata a manteiga e o açúcar em velocidade alta até obter um creme fofo ( cerca de 5 minutos). Raspe a tigela e reduza a velocidade da batedeira para médio.  Adicione os ovos, um de cada vez, batendo por 1 a 2 minutos após cada adição. Misture o mel e as sementes de baunilha. Adicione a mistura de farinha, misturando apenas até que esteja incorporada, com uma espátula. 

Deite a massa na forma, alise a superfície e leve ao forno por 45 minutos.

Sirva polvilhado com açúcar em pó.

Bom apetite!


5.18.2013

Sorbet de limão

Procura-se a Primavera e o calor... os dias voltaram a estar frios, voltei a fazer  chá à noite para aquecer (e eu só bebo chá quando está frio, mesmo). Mas, porque o calendário assim o diz e porque me apetecia um doce, resolvi fazer este sorbet de limão, bem fresco e leve!

Levo esta receita à festa de aniversário do Blog Ação na Cozinha, que nos desafiou a fazer uma receita com limão. Parabéns à Carla por 3 anos de receitas maravilhosas! :)


Ingredientes
Sumo e raspas de 3 limões
2 chávenas de açúcar de frutose
3 chávenas de água
1 chávena de leite

Confeção
Num tachinho, coloque a água e o açúcar e deixe ferver. Apague e deixe  arrefecer. Junte o sumo e raspas de 3 limões e leve ao congelador umas 4 horas (até congelar). Com um garfo, raspe todo o gelado - fica como um granizado. Junte a chávena de leite e misture com a vara de arames. Volte a colocar no congelador. O sorbet vai ficar leve e muito refrescante.

Agora, que venha o calor, já temos como o combater!

Bom apetite

5.17.2013

Bolonhesa Gratinada

Cá em casa o desperdício de comida é coisa que tento evitar ao máximo... Mas os meus homens não são fáceis de agradar de comidas de "ontem" aquecidas! Por isso, é frequente haver reciclagem de sobras, para lhes dar outra cara e assim, já os meninos comem com prazer!

Num dia em que fiz esta bolonhesa, que é recorrente à nossa mesa, sobrou e lá foi uma caixinha para o congelador. O destino da dita foi esta massa gratinada. 


Ingredientes
Cerca de 2 chávenas de molho bolonhesa (fiz esta receita)
Massa penne
Azeite
1 chávena de cogumelos cortados em pedaços pequenos
1 chalota picada
1 pedaço de bacon em pedaços pequenos
1 cálice de vinho do porto
sal e pimenta
Queijo para polvilhar

Para o molho branco:
2 colheres de sopa de margarina
3 colheres de sopa de farinha
2 chávenas e meia de leite
sal, pimenta e noz moscada


Confeção
Numa frigideira, deite um fio de azeite e refogue um pouco a chalota. Junte o bacon e os cogumelos e deixe o bacon dourar. Adicione o vinho do porto, sal e pimenta, deixe evaporar e junte ao molho bolonhesa. Reserve.

Nota: Se for fazer o molho bolonhesa para esta receita, é uma questão de lhe adicionar os cogumelos e o bacon na confeção. 

Aqueça o forno a 180º. 
Coza a massa, mas mantenha-a um pouco mais dura do que al-dente, vai acabar de cozinhar no forno. Junte a massa ao molho bolonhesa com os cogumelos e misture. Deite numa forma de forno.

Faça o molho branco:
Numa panela, derreta a margarina e acrescente a farinha. Em lume médio, mexa para tirar o gosto de cru da farinha, sem deixar queimar. Acrescente o leite aos poucos, mexendo sempre para incorporar na farinha e não criar grumos. Use uma vara de arames, se necessário. Tempere com sal, pimenta e noz moscada. 

Regue a massa com o molho branco e polvilhe queijo ralado por cima. Leve ao forno até estar gratinado.

Bom apetite!

5.16.2013

Caril de camarão com banana com arroz de açafrão

"A preguiça é a mãe de todos os vícios... mas uma mãe é uma mãe! É preciso respeitá-la e pronto!!"
(Piada retirada da Net, autor desconhecido)

E assim justifico o meu respeito a dias em que me ataca a preguiça... afinal, é tão bom preguiçar um bocadinho! Foi o que aconteceu no dia deste caril: depois de um dia intenso, chego a casa com pouca vontade de  cozinhar. Uma boa dose de preguiça que só é abalada (ao mínimo) face a um pedido do filho com um "apetece-me tanto um caril"!  Desta frase a servir o prato passaram cerca de 20 minutos, com um caril preguiçoso, que o sofá esperava  por mim! 

Com esta receita participo no Passatempo Santa Gula e [Limited Edition].



Ingredientes
(para 2 pessoas)
1 embalagem de miolo de camarão grande
1 colher de sopa de mistura de caril indiano
1 colher de chá de açafrão
1 colher de sobremesa de gengibre fresco ralado
Vinagre de cidra Q.B.
2 colheres de sopa de polpa de tomate
1 colher de chá de coco ralado
1 pacote de natas de soja
azeite
1 cebola
2 dentes de alho
1 banana grande pouco madura

Confeção
Misture o caril, o açafrão e o gengibre com o vinagre em quantidade suficiente para fazer uma pasta espessa. Junte o concentrado de tomate e envolva o miolo de camarão nesta mistura. Num tacho largo, aqueça o azeite e refogue a cebola e o alho. Deite o miolo de camarão e deixe cozinhar. Junte o coco e as natas de soja deixe apurar mais uns minutos. Adicione a banana cortada em rodelas.

Sirva com arroz basmati cozido com açafrão, salpicado com coentros frescos picados.

Bom apetite!

5.14.2013

Bolachas de aveia e limão

Aprendi a cozinhar com a minha mãe, com uma mesa com tampo de mármore, onde se batiam as massas e um fogão a lenha... a minha mãe é uma excelente cozinheira, faz  uns pratos bem tradicionais como ninguém e a casa dos meus pais estava sempre cheia! Quando fui para  minha casa, custou-me habituar-me a fazer comida para dois! E custou-me também não ter  com quem partilhar a  cozinha... Os livros da Vaqueiro foram os primeiros livros de culinária que tive, oferta da minha mãe e ajudaram-me muito nessa adaptação. Hoje "deu-me" para os folhear e recordar. 

Estas bolachinhas são adaptadas do livro de "Bolos e Bolinhos" da Vaqueiro e são perfeitas para acompanhar um chá.

Com esta receita, participo pela primeira vez no desafio "Vamos fazer bolachas - Maio" do maravilhoso blog Cravo e Canela!



Ingredientes
100g de margarina
125g de açúcar amarelo
1 ovo
1 pitada de  sal
150g de farinha
100g de flocos de aveia
raspa de 1 limão e sumo de 1/2 limão

Confeção
Bater a margarina amolecida com o açúcar e incorporar o ovo e o sumo de limão. Juntar a farinha, a aveia, uma pitada de sal e a raspa de 1 limão. Misturar tudo e levar ao frigorífico pelo menos 30 minutos.

Pré-aquecer o forno a 180º.
Forre 2 tabuleiros com papel vegetal.
Faça bolinhas e coloque-as nos tabuleiros, espalmando-as com um garfo. Levar ao forno por 15 minutos ou até ficarem douradas. 

Bom apetite!

5.13.2013

Creme de courgette com caril

Há dias em que não me sinto muito inspirada para cozinhar... num desses dias, decidi fazer uma sopa com uns ovos mexidos com tomate (nada de carne, já que é segunda feira!), coisas bem simples que, certamente, não teriam lugar aqui! Estava eu a preparar  os legumes para a sopinha e lembrei-me de adicionar um toque de caril... magia! Saiu um creme delicioso que, com uns pozinhos, lá ganhou um lugar no blog! :)



Ingredientes
2 courgettes
1 alho francês
1 cebola
1 fio de azeite
1 colher de chá de caril em pó
1 colher de café de açafrão em pó
1/2 colher de café de de cominhos em pó
1/2 colher de café de coentros em pó
sal
Água

Confeção
Lave e arranje os legumes: pique a cebola, corte em fatias finas a parte branca do alho francês e corte em pedaços as courgettes, sem descascar. 
Numa panela, deite um fio de azeite e as especiarias e deixe fritar um pouco, para libertar os sabores. Adicione a cebola e, quando esta estiver translucida, o alho francês e as corgettes. Deixe cozinhar um pouco em lume médio. Cubra os legumes com água, junte o sal e deixe cozinhar. Passe a sopa com a varinha ou no liquidificador, em creme.









Bom apetite!

5.12.2013

Bolo moreno com caramelo

Este bolo é muito rápido de fazer (e de  comer...)!
É uma receita que tenho no meu  caderninho de receitas, tirada de uma revista, mas que não apontei qual era, na altura ainda nem sonhava  ter blog e não tinha a preocupação de mencionar a  fonte. Por isso, peço desculpa ao autor pela falha!

O caramelo  é uma receita que já viram algumas vezes por aqui, noutros doces e bolinhos. Gosto de ter um frasco deste caramelo para dar "vida" a  gelados e bolos simples. Aguenta bem umas semanas no frigorífico!



Ingredientes
Para o bolo:
3 ovos
200g de margarina
1 pitada de sal
2 chávenas de farinha
1 chávena de nozes (não pus, porque o filho não gosta de frutos secos)
2 chávenas de açúcar mascavado

Para o caramelo:
2 chávenas de açúcar
1/2 chávena de água
80g de margarina
1 pacote de natas

Confeção
Pré-aquecer o forno a 180º. 
Juntar a margarina amolecida com o açúcar e bater até obter um creme esbranquiçado. Adicionar os ovos, um a um e, de seguida, a farinha e o sal e envolver. Juntar as nozes, se usar.
Colocar num tabuleiro forrado com papel vegetal e levar ao forno por cerca de 20 minutos. Deixe  arrefecer e corte em quadrados.

Faça um caramelo com o açúcar e água, em lume médio, sem mexer a panela, até obter uma cor âmbar. Retire e junte a margarina e as natas, mexendo com uma vara de arames (vai borbulhar bastante). Deixe arrefecer e guarde num frasco no frigorífico.

Sirva o bolo com o caramelo deitado em fio por cima.

Bom apetite!

5.11.2013

Salada doce e salgada

Esta salada foi uma agradável  surpresa! Fiz num dia com pouco tempo e sem nada planeado, podia até chamar-se salada de improviso... mas resultou muito bem, cheia de sabores de contraste entre o doce das uvas e do mel e o salgado do presunto e do queijo feta. Deliciosa!


Ingredientes
(Para 2 pessoas como refeição ou 4 pessoas como entrada)
Folhas verdes (usei dois tipos de alface e rúcula)
1 chávena de tomate cereja amarelo
1 chávena de bagos de uva
1/2 chávena de queijo feta cortado em pedaços
1/2 chávena de amêndoas torradas 
6 fatias de presunto desfiado

Para o vinagrete:
1/2 chávena de azeite
1/2 colher de sopa de mel
1 colher de sopa de vinagre
sal

Confeção
Aqueça uma frigideira e toste ligeiramente as amêndoas. 
Numa taça, junte as folhas verdes, os tomates e os bagos de uva cortados, as fatias de presunto e o feta. Salpique com as amêndoas torradas.
Para o molho, misture o mel e o vinagre, adicione o sal e vá adicionando o azeite, mexendo para emulsionar. Tempere a salada com o vinagrete e sirva.

Bom apetite!

5.10.2013

Dourada no forno com limão e tomilho

Esta receita é bem simples, mas muito apreciada cá por casa, por isso, resolvi partilhar convosco. Porque as coisas simples, por vezes, são mesmo as melhores...



Ingredientes
(para 3 pessoas)
3 douradas pequenas ou 2 maiorzinhas, amanhadas e com cortes num dos lados, até à espinha (peça para fazer na peixaria)
2 cebolas roxas
6 hastes  de tomilho fresco
sal
2 limões 
azeite

Confeção
Aqueça o forno a 180º.
Numa travessa, coloque as cebolas em fatias e disponha os peixes  em cima, temperado com sal. Coloque as hastes de  tomilho na barriga e  nos cortes das douradas. Corte  os limões em fatias finas e disponha as fatias por cima de cada  dourada. Regue com um fio generoso de azeite e leve ao forno cerca de 30 minutos. Se secar  muito, deite um pouco de vinho branco.

Sirva com arroz ou batatas assadas e uma salada.

Bom apetite!

5.09.2013

Pasta risotada com bacon e cogumelos

É mais uma receita inspirada na Nigella e no programa Nigellissima, que cozinhou estas massinhas num estilo risoto um destes dias, com panchetta e ervilhas. Adaptei aos sabores cá de casa  e ao que tinha disponível e ficou excelente! Uma refeição rápida  e muito saborosa.



Ingredientes
1 chávena de massa orzo ou pevide
2 chávenas de caldo de galinha (usei caseiro)
1 chalota
1 chávena de vinho branco
1/2 chávena de bacon cortado em tiras
1  cogumelo portubelo cortado em tiras
3 colheres de sopa de queijo parmesão ralado
3 folhas de manjericão picadas
azeite
sal
pimenta
1 nozinha de manteiga

Confeção
Num tachinho, deitar um fio de azeite e refogar a chalota picada. Juntar o bacon e os cogumelos e deixar cozinhar um pouco. Adicionar a massa e o vinho branco e deixe ferver até evaporar o vinho. Juntar todo o caldo de uma vez, temperar com sal e pimenta e deixar cozinhar. Se necessário, adicione um pouco de água. Apague o lume, acrescente 2 colheres de sopa de queijo e uma nozinha de manteiga e mexa. Sirva polvilhado com o manjericão e o restante queijo.

Bom apetite!

5.08.2013

Salada fresca de lombinhos do mar

Mais uma saladinha para um jantar leve! Esta salada tem "inspiração" numa outra  que costumo costumava fazer e que adoro adorava: salada fria de fusili com delícias do mar e molho coktail. Esta é, digamos assim, a sua prima "magra". Nada má! Eu diria mesmo, muito boa! :D



Ingredientes
(para 2-3 pessoas)
150g de massa fusili
1 embalagem de lombinhos do mar
3 chávenas de mistura de alfaces
sumo de 1/2 limão
1/2 chávena de queijo feta em cubos
2 maçãs costadas em cubos
1 iogurte
salsa
sal
pimenta
1 colher de sopa de ketchup

Confeção
Coza a massa em água e sal, escorra e deixe arrefecer. Desfaça os lombinhos em pedaços e regue com o sumo de limão. Junte as maças cortadas em cubos (eu gosto de manter a  casa, mas pode descascar, se preferir), os cubos de feta e os lombinhos desfeitos em pedaços. Faça uma base da salada com massa e alface e disponha a mistura anterior por cima. Sirva com o molho rosa.

Bom apetite!

5.07.2013

Bifinhos de peru enrolados

Gosto muito de fazer bifinhos enrolados! Vou variando os recheios, de acordo com o que há disponível, mas fica sempre um prato muito saboroso e bonito! Estes levaram queijo feta e mangericão , foram estufados em chalotas e vinho do Porto e ficaram deliciosos!



Ingredientes
3 bifes de peru grandes e finos
1/2 chávena de chalotas picadas
100g de feta
folhas de mangericão
2 cálices de vinho do Porto
1/2 chávena de água
sal e pimenta
azeite

Confeção
Espalme os bifes de peru com o rolo da massa (não bata, para não partir as fibas da carne) e tempere com sal e pimenta. Disponha fatias finas de queijo feta e folhas de manjericão e enrole os bifes, prendendo com palitos. Reserve.

Numa frigideira, refogue as chalotas em azeite e doure os bifes. Deite o vinho, tape a frigideira e baixe o lume, deixando cozinhar durante uns 15 minutos. Vá adicionando um pouco de água à medida que for secando, para não queimar. Retire os rolinhos, tire os palitos e corte cada rolinho em 3. Coloque numa travessa, com  o molho por cima.

Bom apetite!

5.06.2013

Panquecas de courgette com molho aioli

As  segundas feiras passaram a ser dias de experimentar na cozinha. O facto de cozinhar sem carne ou peixe, de alguma forma, faz com que se compense a falta da dita com outros sabores...
Esta  refeição tem inspiração em dois programas de que gosto muito do canal "food network": As panquecas de courgette são adaptadas desta receita da Ina Gartten, do Bareffot Contessa - Back to Basics; o molho aioli desta da Giada de Laurentiis do Everyday Italian.


Ingredientes
Para as panquecas:´
2 courgettes raladas
2 cogumelos portubelo picado
1 cebola roxa picada
sal
pimenta
2 ovos batidos
1 colher de chá de fermento
3 colheres de sopa de farinha integral
1 fio de azeite

Para o aioli:
2 iogurtes naturais
1/2 chávena de rúcula
1/2 chávena de salsa
1 dente de alho esmagado
sumo de 1 limão
raspa de 1 limão
sal
pimenta

Confeção
As courgettes:
Juntar todos os legumes ralados e picados. Bater os ovos e juntar  a farinha, sal, pimenta e o fermento, misturando tudo. Juntar aos legumes e envolver bem. Deixar descansar 10m. 
Aquecer uma frigideira com um fio de azeite e deitar 1 colher de sopa da massa, deixando dourar antes de virar. Proceder da  mesma forma até terminar a massa. 

O aioli:
Colocar todos os ingredientes, exceto o sal e pimenta, num robot de cozinha ou liquidificador e misturar e triturar tudo. Temperar com sal e pimenta e servir.

Bom apetite!

5.05.2013

Macarons com merengue Francês

Finalmente, ganhei coragem e fiz os temidos Macarons! Não ficaram perfeitos, o pé cresceu pouco, principalmente nos amarelos porque usei as claras frescas, mas ficaram ótimos de sabor e fizeram uma prenda muito colorida, num frasco, para o dia da Mãe!

Segui a receita e truques da Clara de Sousa, daqui


Ingredientes
Macarons

125g de amêndoa em pó
125g de açúcar em pó
125g de açúcar cristal
90g de claras envelhecidas à temperatura ambiente (guardar pelo menos 2 dias no frigorífico - eu usei congeladas, que retirei do congelador e pus no frigorífico 2 dias antes)
Pitada de sal 
Corante alimentar

Recheio
Caramelo:
2 chávenas de açúcar
1/2 chávena de água
80g de margarina
1 pacote de natas

Chocolate
100g de chocolate negro
3 colheres de sopa de natas

Confeção
Junte o açúcar em pó e a amêndoa e peneire. Se ficar com muitos pedacinhos de amêndoa, triture um pouco num robot de cozinha e passe novamente pela peneira. 
Numa taça bem limpa, bata as claras em velocidade baixa. Quando a mistura já estiver em espuma, junte o sal, aumente a velocidade e adicione gradualmente o açúcar. Continue a bater até obter picos suaves, que não escorrem quando levanta a batedeira. (cerca de 5 minutos)
Junte umas gotas de corante e misture. Junte agora a mistura peneirada e envolva. Bata à mão, até que a massa escorra. A consistência da massa está no ponto quando, se testar deitar em fio num prato, ela "acama" em 10 segundos. Se fizer picos, tem de bater mais um pouco. 
Num tabuleiro de forno forrado com papel vegetal, deite pedacinhos de massa com a ajuda de um saco de pasteleiro ou de uma colher. Pode usar um imprimível que se encontra com facilidade na internet por baixo do papel vegetal para controlar o tamanho. Deixo um exemplo: http://marvwoodhouse.com/wp-content/uploads/2010/07/zwcok-maccir1-3p8.pdf 

Nota: eu confirmei a minha total inaptidão com o saco de pasteleiro e acabei por usar uma colher se sobremesa... controlo melhor a quantidade e isso faz com que as "bolinhas" fiquem do mesmo tamanho. Quando terminar, bata com o tabuleiro na bancada e, se houver bolhinhas de ar, pique-as com um palito. Deixe os macarons ao ar cerca de 1h. Estão prontos para o forno quando a superfície não colar ao dedo.

Leve ao forno, um tabuleiro de cada vez, em forno ventilado a 140º, por cerca de 15m, a meio do forno. Retire e coloque o papel em cima de um pano molhado, para que os macarons se soltem com facilidade. Deixe arrefecer no pano.

Para os recheios:
Faça um caramelo com o açúcar e água, em lume médio, sem mexer a panela, até obter uma cor âmbar. Retire e junte a margarina e as natas, mexendo com uma vara de arames (vai borbulhar bastante). Volte ao lume e deixe ferver mais 5 minutos em lume baixo. Deixe  arrefecer.

Numa tacinha, leve o chocolate partido e as natas ao micro-ondas por 2 minutos. Mexa, até derreter  e emulsionar o chocolate. Deixe arrefecer.

Recheie a gosto os macarons e coloque no frigorífico. Retire umas horas antes de servir.












Bom apetite!




Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...