12.27.2013

Polvo panado com risoto do mesmo e o Tato

Um dos 5 sentidos definidos por Aristóteles é o tato, que tem como orgão sensorial, a pele. Na cozinha, as texturas da comida são uma das propriedades que captamos com este sentido e que influenciam se a degustação é ou não agradável.
Já viram o que a Maria me fez descobrir com este passatempo? É que este polvo panado, com um exterior crocante a contrastar com um interior macio e acompanhado de um arroz cremoso apela, antes de mais, a este sentido e, garanto-vos, também é delicioso!

Ingredientes

Para o polvo:
1 polvo com cerca de 2kg
1 cebola
1 chávena de vinho branco
1/2 chávena de farinha
1 ovo batido 
2 pães do dia anterior
2 dentes de alho
sal e pimenta q.b.
2 folhas de louro
óleo para fritar 
1 limão para servir

Para o risoto
1 chávena e meia de arroz arbóreo
1 fio de azeite
1 chávena de vinho branco
1 litro de caldo de cozer o polvo 
1 colher de sopa de manteiga 

Confeção

Antes de mais, se comprar polvo fresco, convém congelá-lo. Isto irá quebrar a fibra do polvo e garantir que fique macio. 
Descongele o polvo, coloque-o numa panela com uma cebola inteira e as folhas de louro e ligue o lume médio-baixo. Deixe o polvo cozer por 1 hora. Passado esse tempo, retire o polvo e deixe arrefecer e reserve o caldo que se formou, acrescentando água, para perfazer 1 litro. Prepare os tentáculos: corte as pontas mais finas, separe os tentáculos e retire a membrana gelatinosa. Corte a cabeça e as pontas dos tentáculos em pedaços pequenos e reserve para o risoto. Entretanto, coloque os tentáculos numa taça, tempere com sal (pouco, que o polvo é salgado), pimenta, o dente de alho laminado e 1 chávena de vinho branco. Deixe marinar por cerca de 1 hora. 
Prepare o pão ralado: num robot de cozinha, triture o pão em migalhas, com 1 dente de alho. Passado o tempo de marinada, retire os tentáculos, passe por farinha, ovo batido e, finalmente, pelo pão.

Aqueça o óleo e frite os pedaços de polvo. Coloque a escorrer em papel absorvente e mantenha em local aquecido.

Prepare o risoto: deite 1 fio de azeite num tacho e refogue 1 cebola. Junte o arroz e deixe cozinhar um pouco. Junte o vinho branco e, em lume médio, deixe evaporar, mexendo sempre. Vá adicionando o caldo do polvo, cerca de 1 chávena de cada vez, deixando sempre evaporar antes de adicionar mais liquido. Quando terminar o liquido, veja se é necessário acrescentar mais água (se o arroz não estiver cozido), retifique os temperos e apague o lume. Acrescente a manteiga, mexa e sirva de imediato, com os panados de polvo e limão cortado em quartos.


Bom apetite!

Tempo de preparação: 120 minutos; Dificuldade: médio; Vegetariano: Não; Para crianças: Sim; Ingrediente principal: Polvo; N.º de porções: 4; Prato: prato principal, entrada,

7 comentários:

  1. E que maravilha, ficou mesmo bom, tenho de experimentar...bjs

    ResponderEliminar
  2. Ficou com ótimo aspeto. Gostei muito.

    ResponderEliminar
  3. Adoro polvo panado e este prato esta muito convidativo....levava-o para o meu almoço.
    bj

    ResponderEliminar
  4. Olá Maria João,
    espero que tenhas tido um bom natal!
    adorei esta sugestão é bem original
    beijinhos e continuação de boas festas

    ResponderEliminar
  5. Adoro Polvo ! Curiosamente ainda não provei panado, e este teu deixou-me a babar :P
    Beijinho doce e feliz 2014 !

    ResponderEliminar
  6. É uma delicia esta sugestão é das formas que mais gosto, adoro e adoro ficou lindo.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  7. Gosto imenso de polvo e a minha sogra fá-lo tão bem assim panadinho. O risotto de polvo deve ser um must. Nota 10, como dizem os nossos conterrâneos brasileiros.
    Beijinhos e um ano de 2014 pleno de felicidade.
    Patrícia

    ResponderEliminar



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...